quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

...



Queria dizer alguma coisa, mas no momento...
Fico com o poema - este sempre desajeitado representante do pulso, da saliva simbólica.


a nuvem cai
vem duma vez
a água turva
inunda o mundo
e eu não tenho
notícias tuas

deus te proteja

10 comentários:

Roy Frenkiel disse...

Espero que esteja bem...

abrax

RF

Vais disse...

Pelo que tenha acontecido, muita força prati, Professor Marcelo, e percebo como o poema da Líria disse.
abraço forte!

Marcelo F. Carvalho disse...

506 mortos divulgados, mas, para quem mora ou está ajudando, a expectativa é de mais de 1000... Muito mais...
_____________________
E eu que sou tão pouco afeito à demonstrações assim, ando meio sem saber o que escrever.
_____________________
Aliás, a direção que a mídia está pegando para retratar a tragégia hecatombe (escondendo políticos da trupe, endemoniando inimigos) dá um nojo dolorido.

Roy Frenkiel disse...

Os erros nao importam tanto quanto os necessarios acertos, agora, Marcelo.

abraxao e forca, espero que a solidariedade seja imensa como sempre, e como deve ser.

RF

Marcelo F. Carvalho disse...

Sem dúvida, Roy. Força sempre!
_______________
Claro que, como sempre, diante da paralisia dos governantes que muito falam e pouco fazem, o povo é a luz, sempre a luz nas horas mais difíceis; doando o pouco que tem, ajudando com o que podem.

sandra camurça disse...

Força aí, querido! Nem sei o que dizer nessas horas...
Abraço forte!

Jacinta Dantas disse...

Há momentos em que ficamos sem palavras, sem o que dizer para expressar o sofrimento, a angústia...a indignação. Então, a poesia, essa sim, fala por nós. E esse poema...


Estou por aqui conhecendo o seu espaço. Vou ficar mais um pouquinho, apreciando.

Marcelo F. Carvalho disse...

O povo, minha querida Sandra, parece Fênix: quando você acha que acabou, lá vai o homem renascer das cinzas. Vamos dar a volta por cima, sem dúvida, mas a que preço? Quantas mortes poderiam ser evitadas? Pena para todos nós.
Um beijo no seu coração!
________________________
Jacinta, ficamos sem palavras, mesmo; só a Literatura, essa nossa parceira extraordinária pra nos representar.
Este espaço é de todos. Críticas também são muito benvindas!
Abraço forte!

Vais disse...

Olá Professor,
volto pra pedir desculpas se meu comentário ficou parecendo de uma completa e total alienada.
abraço,Marcelo, e muita força pra tod@s

Marcelo F. Carvalho disse...

Vais, em nenhum momento pensei isso e, conhecendo os seu escritos, jamais suporia isso. Você é 10!!!
_________________
Abração!